Arquivo da categoria: Bariloche

Bariloche [passeios] San Martin de Los Andes e os Sete Lagos

voltar ao índice de Bariloche

uma das mais belas regiões do planeta

Bariloche se situa em região privilegiada da natureza. Belíssimos lagos e florestas temperadas proporcionam experiências visuais inesquecíveis para o turista brasileiro, mais acostumados que estamos com nossas incomparáveis praias e o calor. Continue lendo Bariloche [passeios] San Martin de Los Andes e os Sete Lagos

Bariloche [passeios] Villa La Angostura

ver roteiro de 7 dias em Bariloche

A pequena cidade de Villa La Angostura merece a visita de quem vai a Bariloche. A distância entre as cidades é de 120 km de vistas deslumbrantes. A cidade é muito simpática e oferece o passeio ao bosque dos Arrayanes, que combina trajeto de barco e pedalada de bicicleta entre as árvores do parque. Continue lendo Bariloche [passeios] Villa La Angostura

Bariloche [passeios] Circuito Grande: Villa La Angostura e Vila e Lago Traful

voltar à lista de passeios

Este passeio circula pela região dos Sete Lagos, ao norte de Bariloche, permitindo apreciar a beleza da região. A viagem toma todo um dia. O melhor roteiro é começar por Villa La Angostura e dar volta passando pela Villa Traful. A pequena cidade de Villa La Angostura merece a visita de quem vai a Bariloche. São 120km de vistas deslumbrantes.

Para quem está em Bariloche olhando para o lago Nahuel Huapi, a saída da cidade é para a direita, na direção do aeroporto. Basta ir pela margem do lago que não há como errar. A estrada que sai de Bariloche é a Rota 237. Um pouco mias adiante, depois de passar pelo Rio Limay, surge o entroncamento com a Rota 231 e seguir para oeste em boa estrada de duas faixas.

Bariloche

A cidade é muito simpática e oferece o passeio ao bosque dos Arrayanes, que combina trajeto de barco e passeio de bicicleta entre as árvores do parque. Continue lendo Bariloche [passeios] Circuito Grande: Villa La Angostura e Vila e Lago Traful

Bariloche [passeios] Cerro Otto

voltar à lista de passeios

Subida de teleférico do Cerro Otto para apreciar a esplêndida vista da região. O cartaz lá embaixo informa que toda a renda das instalações do Cerro Otto vão para a Fundação Maria Furmanque mantêm um hospital para o tratamento do câncer. Preço da subida: US$18 (70 pesos) por pessoa.

Como a subida é num bondinho com capacidade para quatro pessoas. A cabine fechada é mais confortável para quem viaja no inverno. É uma vantagem sobre a subida de Cerro Campanário, que é feita em cadeirinhas abertas. Durante a subida, desponta a beleza do Lago Nahuel Huapi.

Continue lendo Bariloche [passeios] Cerro Otto